14 jul, 2016

Como eu era antes de você


me before you-2

Olá, meus amores!

Tudo bem?

Vocês assistiram ao filme Como eu era antes de você (Me before you, em inglês)? Caso a resposta seja “não”, é melhor não ler este post agora, a não ser que você goste de spoilers. Eu decidi fazer uma reflexão sobre a trama. Muitos dizem que este é um filme para chorar, que serve apenas para sair triste do cinema. Porém, ele é muito mais que isso. É um filme bonito, e ele te faz refletir sobre a vida e as nossas escolhas.

Contém spoilers!

me before you-4

O mocinho do filme (Will) é um jovem que sofreu um acidente e acabou ficando tetraplégico. Porém, antes do evento trágico, ele era uma pessoa agitada e feliz. Consequentemente, ele acabou ficando depressivo por parar em uma cadeira de rodas e ser totalmente dependente das pessoas.

A mocinha (Louisa Clark) é uma jovem amável e com um gosto muito peculiar para roupas. Ela sempre precisou trabalhar para poder ajudar seus pais financeiramente. Ela acaba sendo contratada pela mãe do Will para auxilia-lo no dia a dia. Com o passar do tempo, ela vai conquistando a confiança e acaba encantando o Will com seu jeito de ser (doce e doidinha).

Sem querer, Louisa acaba descobrindo que o Will pretende cometer suicídio assistido: eutanásia. E, assim, decidi fazer muda-lo de ideia, montando diversas atividades que eles poderiam fazer mesmo com as privações de Will. E ela acaba trazendo de volta o sorriso de Will. Ele fica visivelmente mais feliz, apesar da primeira atividade deles não ter sido uma ótima escolha.

O romance entre os dois fica mais aparente depois que ela o leva à um concerto de música clássica. Porém, é apenas na viagem que eles realizam que eles dão o primeiro beijo. E é também na viagem que ele conta a ela que não desistiu da eutanásia. Ela fica desolada e o acusa de ser egoísta.

me before you-6

É neste ponto que eu queria chegar: será mesmo que foi egoísmo da parte dele?

Muitas pessoas dizem que sim. Ele deveria ter tentado viver mesmo estando em uma situação complicada, porque ele deveria pensar em todas as pessoas que iam sofrer com sua perda. Mas falar é fácil, só quem realmente vive esta situação sabe como é. E o lado dele, não deveria ser levado em consideração?

me before you-8

Não é fácil você ver seus planos, projetos e expectativas de vida serem tomados de você de uma hora para outra. Tem pessoas que conseguem superar todos os empecilhos e todas as rasteiras que a vida dá. Mas outras não. E não cabe a nós julga-los. É lógico, se alguém que eu gostasse muito também estivesse em tal situação, eu faria como a Louisa, tentaria de todas as maneiras possíveis fazer muda-lo de ideia. E caso eu não conseguisse, assim como ela também não conseguiu, eu também ficaria extremamente triste. Mas, não querer que ele tome essa decisão é tão egoísta quanto ele em toma-la. Nós não queremos abrir mão das pessoas que amamos, e força-la a ficar contra a sua vontade, mesmo que ela seja infeliz para o resto da vida, apenas para que a gente não sofra com sua perda, é sim tão egoísta quanto. Por que a nossa felicidade em primeiro lugar?

Então me contem, o que vocês acharam do desfecho do filme? Concordam com essa reflexão ou ainda acham que ele foi egoísta?

03 ago, 2014

Livros em Pauta


Olá pessoal!
No dia 9 de agosto acontece a 4° edição do Livros em Pauta. É um evento super interessante para quem está pensando em escrever um livro, a maioria dos temas é voltada para autores iniciantes. 
Entre os temas estão a preparação e apresentação de originais, técnicas para escrever para o público juvenil e fanfics e até regras de etiqueta para escritores nas redes sociais. O destaque fica por conta do debate de um assunto que causou polêmica no início deste ano: a simplificação de clássicos da literatura brasileira.
Palestras, debates, mesas redondas e lançamentos estão na programação do evento, que neste ano acontece na FAPCOM – Faculdade Paulus de Tecnologia e Comunicação. Todas as atividades são gratuitas e abertas ao público.
Os fãs de quadrinhos e literatura fantástica também têm espaço garantido nas atividades, eles poderão conferir adaptações de obras e personagens da literatura para HQs, narrativas de horror em várias mídias e dicas para artistas trabalharem nas grandes editoras norte-americanas de quadrinhos.
Para conferir a programação acesse: www.blogdaandross.com
Fotos da 3ª edição
Durante o Livros em Pauta, acontece mais um encontro do Clube do Livro, com bate-papo sobre a obra O Alienista, de Machado de Assis, e o lançamento das antologias Amor nas Entrelinhas, Aquarela, Fractais da Alma, Horas Sombrias, Ponto Reverso, Utopia e Xeque-Mate, com a presença de cerca de 500 autores.
Livros em Pauta – Encontro de leitores com escritores e outros profissionais do livro

Data: 9 de agosto

Horário: das 11h às 19h

Local: FAPCOM – Faculdade Paulus de Tecnologia e Comunicação (Rua Major Maragliano, 191 – São Paulo, próximo à estação Vila Mariana do metrô)

ENTRADA GRATUITA!
29 nov, 2013

Resenha – livro Despertar


Autora: Amanda Hocking
 Editora: Planeta
 Número de Páginas: 208
NOTA: 


10

Sinopse – Na pequena cidade litorânea de Capri, as turistas Penn, Lexi e Thea conseguiram chamar a atenção de todos, seja pelo fascínio ou pela apreensão. Tudo o que se sabe é que por onde passam existe uma energia no ar, algo sobrenatural, e que as garotas estão interessadas em ter a jovem Gemma em seu grupo. Gemma parece ter tudo, é uma nadadora incrível, está começando a namorar seu amigo de infância e se prepara para competir nas olimpíadas no futuro. Aos 16 anos, Gemma sabe que é feliz. Mas quando Penn, Lexi e Thea se interessam por ela, tudo fica prestes a mudar. Sua irmã Harper percebe que há algo de estranho com as garotas, mas será tarde demais para alertar Gemma? A autora fenômeno Amanda Hocking chega ao Brasil com mais uma saga eletrizante, prendendo o leitor do começo ao fim em uma história em que nada é o que parece. A canção do Oceano está chamando.
Resenha:
A primeira coisa que me chamou atenção para esse livro foi a capa! Quando eu vi na livraria, a capa bonita e com glitter me fez ler a sinopse. Lendo a sinopse, percebi que era uma história meio mística (meu estilo de livro) bem interessante e resolvi comprar. 
Dizem para não tirar o livro pela capa, mas essa capa condiz muito com o conteúdo do livro. A história é bem viciante!
Despertar conta a história de uma menina comum (Gemma) que mora em uma cidade litorânea com seu pai (Brian) e sua irmã mais velha (Harper). Ela se apaixona pelo melhor amigo da irmã (Alex), essa parte romântica do livro é bem fofinha.
Mas o livro é marcado por um ar sombrio, que envolve um certo tipo de “sereia”. Não é exatamente sobre sereias comuns (como a pequena sereia), é muito mais “dark”. Gemma, a personagem principal, não fica nem um pouco contente em relação a se tornar uma. Ela é nadadora e está se preparando para as Olimpíadas, tudo o que ela sempre sonhou pode ir por água abaixo caso ela se junte com as supostas “sereias” (Pen, Lexi e Thea), mas elas desejam muito que Gemma se junte à elas.
Ele é o primeiro livro de uma série de 4 livros, são eles: Despertar, Canção do mar, Tidal (não foi lançado no Brasil ainda) e Elegy (também não foi lançado no Brasil).

O final do livro é BEM intenso e por não contar toda a história te deixa com uma sensação de quero mais, ou seja, ler os próximos livros!

Espero que tenham gostado da resenha!
Vocês gostam desse tipo detema? Já leram algum livro dessa autora (Amanda Hocking)

Mah4021 • todos os direitos reservados © 2017 • powered by WordPress • Desenvolvido por